Como a Inteligência Artificial vai transformar a sua vida
Janeiro 18, 2019 Matérias

Como a Inteligência Artificial vai transformar a sua vida

De programas de reconhecimento facial aos assistentes virtuais, a Inteligência Artificial já faz parte do seu cotidiano. E, com a demanda crescente de pesquisas e aplicações, ela vai ser ainda mais transformadora.

Você acorda pela manhã para mais um dia de trabalho. Toma café e já programa seu robô assistente para fazer a faxina e preparar um jantar especial para receber os amigos mais tarde. Enquanto o carro te leva para o trabalho, você aproveita para conferir o horário da nova exposição de arte daquela Inteligência Artificial renomada.

Pareceu estranho? Bom, nem tanto.

Há algum tempo a Inteligência Artificial (a habilidade que uma máquina tem de aprender, pensar e criar coisas novas, ou seja, de agir como os humanos) deixou de ser um ideal futurístico para se tornar algo bem real.

Diversos sistemas inteligentes baseados na tecnologia já são parte da nossa rotina e muitos outros continuam sendo desenvolvidos diariamente. Com isso, a perspectiva é que no futuro (não tão distante) a nossa forma de utilizar a Inteligência Artificial vá muito além de receber recomendações personalizadas de filmes ou de conversar com chatbots.

Descubra neste artigo algumas das mudanças que a IA trará para o seu cotidiano.

Na sua casa

Cansado de fazer trabalhos domésticos? Os robôs poderão ajudar. No futuro, eles serão aptos a realizar tarefas domésticas, montar móveis e até cuidar de animais de estimação. Com o desenvolvimento da tecnologia perceptiva e avanços em compreensão de fala, a capacidade dos robôs em interagir com os humanos também será melhorada, embora essa parte provavelmente leve um pouco mais de tempo para ser implementada.

No trabalho

No futuro, muitas tarefas de trabalho serão desempenhadas por Inteligência Artificial, principalmente as que demandam análise de informações, altas taxas de eficiência, precisão ou esforço físico. O aumento da automação vai proporcionar mudanças consideráveis em nossa economia, desde a ressignificação de algumas funções até a redução da necessidade de horas trabalhadas.

Nesse contexto, poderemos observar como a automação vai nos deixar cada vez mais livres do trabalho burocrático para pensar maneiras de otimizar o nosso tempo e de priorizar tarefas que dependam de algo que a máquina não pode oferecer: a sensibilidade humana.

No consultório médico

Atualmente já existem estudos e aplicações da IA para a detecção precoce e assertiva de diversas doenças humanas, inclusive degenerativas. Para o futuro, podemos esperar uma medicina cada vez mais personalizada, com taxas de erros médicos baixíssimas, cirurgias precisas e menos invasivas, além de medicamentos e equipamentos inteligentes que vão nos auxiliar a prolongar a expectativa de vida.

No trânsito

O transporte de passageiros sem a condução humana, principalmente em trens e metrôs, já existe em alguns países, e a tendência é que a tecnologia dos veículos inteligentes vire rotina.

O carro inteligente vai eliminar as horas perdidas no trânsito, os acidentes, reduzir a necessidade de estacionamentos e modernizar a logística de entregas, já que a implementação de caminhões e drones autônomos também será possível.

O projeto de carros autônomos ainda não se desenvolveu com a rapidez pretendida porque reproduzir a visão humana é um dos grandes desafios da IA. Mas muito investimentos continuam sendo feitos nessa questão e, recentemente, a Mercedes-Benz já apresentou seu novo protótipo: um carro autônomo que pode levar até 12 passageiros.

Na segurança

Sistemas de reconhecimento facial e monitoramento automático não serão as únicas tecnologias usadas na segurança pública. As cidades do futuro também contarão com patrulhamento de agentes virtuais e drones que trarão mais agilidade ao combate ao crime e à aplicação de leis.

E mais, as taxas de julgamentos falhos também serão extremamente reduzidas. Tudo isso porque poderemos utilizar a Inteligência Artificial para analisar padrões de comportamento e apontar anomalias neles. Quem sabe, futuramente, até distinguir comportamentos morais e éticos.

No lazer

Nosso entretenimento vai se tornar ainda mais envolvente e personalizado. Os usuários poderão interagir com os sistemas e eles, por sua vez, se adaptarão de acordo com as emoções das pessoas e criarão experiências únicas para cada usuário.

Além disso, as inteligências artificiais também irão produzir conteúdos originais. Hoje, apesar de ainda estarem em desenvolvimento, alguns experimentos já foram capazes de reproduzir e criar obras a partir do trabalho de grandes artistas. Como a “Daddy’s Car”, música baseada na obra dos Beatles, composta por uma inteligência artificial.

No meio ambiente

A inteligência artificial poderá ser uma grande aliada no combate aos riscos ambientais, aumento da poluição e escassez de recursos. Atualmente, as maiores empresas de tecnologia do mundo já investem pesado em pesquisas que utilizam a IA para preservação do meio ambiente.

A segunda empresa mais valiosa do mundo, a Microsoft, criou o programa “AI for earth” que utiliza a inteligência artificial para quatro áreas fundamentais para a saúde do planeta: mudanças climáticas, escassez de água, diminuição na biodiversidade e desempenho agrícola. Só em 2018, o projeto chegou em 45 países e prevê um investimento de 50 milhões de dólares durante os próximos 5 anos.

Softwares de previsão de tempo também serão melhorados e poderão nos informar sobre mudanças e padrões climáticos, e fornecer estimativas precisas sobre desastres naturais com muita antecedência.

Nos negócios

Já deu para notar que os avanços da Inteligência Artificial propiciarão mudanças significativas em nossa sociedade, inclusive como uma grande oportunidade de fazer negócios. A tecnologia será capaz de mudar a forma com que as pessoas interagem com as marcas, facilitar as operações da empresa, trazer muito mais agilidade às atividades e, ainda, criar ramos de negócios totalmente novos.

Uma grande aposta para a comunicação das empresas em 2019 serão os chatbots – junto com a inteligência artificial, eles podem oferecer diferenciais para a sua empresa que passam pela assistência 24h por dia, análises de big data, previsão de resultados, qualificação do cliente em potencial e redução no uso de tempo do atendimento simples para atendimentos humanos mais específicos, eficazes.

Essa tecnologia fornece oportunidades imensas e é importante estar atento a um ponto em especial: a IA se alimenta de dados, ou seja, quanto mais dados você tiver, mais valiosa ela será. O grande ponto é saber extrair insights de seus dados e administrá-los da melhor forma. Por isso, se você ainda não está por dentro da Inteligência Artificial, é melhor se apressar. Confira neste outro artigo algumas dicas de como se preparar o futuro.

Deixe um comentário